Comidas que não deve pedir em um restaurante

228

Muita gente quer uma nova experiência, que provar algo diferente e mesmo inusitado quando vai comer fora, em um restaurante com perfil mais gourmet.

Mas, em muitos casos, os ingredientes são exclusivos e caros, o que pode fazer da experiência um pesadelo na hora de pedir a conta.

Especialistas recomendam cautela na hora de visitar um restaurante com ingredientes mais exclusivos e, para não ser enganado, se quiser mesmo provar essas iguarias, algumas dicas devem ser levadas em consideração. A seguir, uma lista de coisas nunca devem ser pedidas em um restaurante (a não ser que seja adotando as dicas abaixo).

Ostras que não sejam frescas

Quando você pedir ostras, certifique-se de que o restaurante as abra na sua frente. Elas devem ser exibidas em gelo, frias e suculentas. E o sabor deve dar a sensação de que você está comendo o mar.

Peça para que elas tenham sido abertas depois que você tiver feito o pedido e de que tenham uma boa aparência.

Trufas que você não pode ver

As trufas são caras porque não são fáceis de encontrar. Um prato com quatro ou cinco gramas de trufa branca pode custar de US$ 44 a US$ 175, dependendo do restaurante, da oferta do mercado e da época do ano. Peça que elas sejam raspadas na mesa, pois você deveria ver as trufas e as cheirar.

Bife com fritas medíocre

Um bom pedaço de carne vale a pena. Com algo como “bife e batatas fritas”, os restaurantes nem sempre especificam o corte de carne. Encobertos pelas fritas, o bife pode ser de um corte menos nobre e consequentemente mais barato. Peça para ver o corte de carne antes de o servirem.

Por: Manuel Inácio Andreolli, estudante de gastronomia